Alemanha e França avaliam plano de resgate à Grécia

O plano de resgate da Grécia, estimado em 30 bilhões de euros, agora está sendo considerado pelas autoridades da Alemanha e França, informou neste sábado uma fonte ligada ao assunto. O plano pode envolver a venda da dívida para entidades francesas e alemãs ligadas a bancos de propriedade do Estado, assim como para o mercado.

PATRICIA BRAGA, Agencia Estado

27 de fevereiro de 2010 | 20h31

A garantia da dívida aos investidores seria dada pelos dois países. Mas ainda não estaria decidido quando a venda seria concretizada e isso ainda depende da aprovação das autoridades alemãs e francesas. Embora as autoridades desses países possam querer tempo para deliberarem sobre o assunto, é cada vez maior a percepção de que os mercados financeiros estão ansiosos por uma resolução para o problema da Grécia. Isso pode aumentar as pressões para que as autoridades aprovem o plano antes que os problemas se estendam para outras países europeus.

Na Alemanha, o KFW pode ser uma das instituições usadas para comprar a dívida da Grécia. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Grécia, Alemanha, França

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.