Alemanha passa os EUA e lidera exportações no mundo

A desvalorização do dólar frente ao euro colocou a Alemanha como o país líder em exportação do mundo em termos nominais. Os alemães ultrapassaram os norte-americanos a exportarem US$ 748 bilhões em 2003 Segundo a Organização Mundial do Comércio (OMC), o aumento 22% nas vendas externas fez a Alemanha ser responsável por 10% de todas as exportações mundiais, que somaram US$ 7,3 trilhões em 2003. No campo dos principais importadores, a surpresa é a China, que já é o terceiro maior comprador de bens do mundo. A Europa foi beneficiada por um aumentou de 17% nas exportações em 2003.Os Estados Unidos, com uma exportação de US$ 724 bilhões, registrou um crescimento de apenas 4% no comércio e acabou em segundo lugar no ranking. Em terceiro lugar aparece o Japão, já seguido de perto pela China, que exportou em 2003 US$ 438,4 bilhões, um crescimento de 35% em relação ao ano anterior. Já a lista dos maiores importadores é liderada pelos Estados Unidos, com 16,8% de tudo o que o mundo consumiu em 2003, num total de US$ 1,3 trilhão e um aumento de 9% em relação ao ano anterior. A Alemanha vem em segundo lugar no ranking, com 7,7% das compras mundiais. A surpresa é a China, que já é a terceira maior importadora do mundo, com 5,3% de tudo que é consumido no mundo e superando França, Inglaterra e Japão. Em 2003, as importações chinesas cresceram 40%.O bom desempenho das exportações em 2003 fez com que o Brasil subisse uma posição (para 25º) no ranking dos maiores exportadores do mundo. A participação do Brasil nas vendas mundiais atingiu 1%, depois de mais de uma década representando apenas 0,9% das exportações internacionais. No que se refere às importações, a fraca demanda no mercado nacional fez com que o Brasil despencasse da 27ª para a 30ª posição no ranking da OMC em apenas um ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.