Alemanha tem maior deflação no atacado desde 1949

O índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) da Alemanha recuou 1,5% em julho, em relação ao mês anterior, e 7,8% na comparação com o mesmo mês do ano passado, no maior declínio anual desde 1949.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

19 de agosto de 2009 | 06h09

Ambos os porcentuais de queda informados pela Destatis, a agência de estatísticas alemã, foram maiores do que os previstos pelo mercado. De acordo com uma pesquisa da Dow Jones, os analistas esperavam deflação mensal de 0,2% em julho, e queda de 6,6% em relação a um ano antes. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Alemanhadeflaçãoatacado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.