Alfândega de Santos bate recorde de arrecadação

A Alfândega do Porto de Santos reduziu em 57% o tempo de despacho aduaneiro na exportação e em 20% na importação, na comparação entre os anos de 2004 e 2003. Segundo informações fornecidas hoje pelo órgão ligado à Secretaria da Receita Federal do Ministério da Fazenda, a arrecadação aumentou, de R$ 3,5 bilhões em 2003 para R$ 5,6 bilhões no ano passado, e bateu recorde histórico.Entre as justificativas para os números positivos, a Alfândega destaca o intenso trabalho de triagem de contribuintes para habilitação à prática do comércio exterior.O órgão salienta que, no ano passado, ações contra importações com falsa declaração de conteúdo e o combate à interposição fraudulenta foram responsáveis pela apreensão de 709 toneladas de produtos eletrônicos, equipamentos médico-hospitalares, gêneros alimentícios e bens de informática, entre eles cerca de 800 mil CDs e 1,7 mil aparelhos de gravação de CD, avaliados em cerca de R$ 7 milhões.No mesmo período, operações no controle de exportação feitas pela Alfândega do Porto de Santos possibilitaram apreensões de aproximadamente 63 toneladas de mercadorias declaradas em mais de R$ 5 milhões por falsidade ideológica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.