Estadão
Estadão

Alimentos mais caros voltam a pressionar inflação em São Paulo

IPC-Fipe ficou em 0,34% na terceira prévia do mês, enquanto os alimentos subiram 1,08%

Agência Brasil

28 de outubro de 2014 | 09h22

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) na cidade de São Paulo, atingiu 0,37% na terceira apuração de outubro ante variação de 0,34% registrada na segunda prévia do mês. Dos sete grupos pesquisados, alimentação foi o que apresentou a maior elevação, com 1,08% ante 1,03%.

O orçamento doméstico também ficou mais comprometido nesse período com os gastos em habitação, que subiram de -0,05% para 0,17%. Além disso, houve aumento em transportes (de 0,10% para 0,13%).

O grupo despesas pessoais apresentou queda de 0,07% ante alta de 0,33%. No grupo saúde, o índice ficou ligeiramente abaixo da variação passada (de 0,41% para 0,40%). Em vestuário, os preços subiram com menos vigor (de 0,49% para 0,31%) e, em educação, foi constatada a mesma variação da segunda prévia (0,19%).

Tudo o que sabemos sobre:
inflaçãoalimentos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.