Alta do dólar e Brasil fazem Colômbia cancelar leilão de títulos

O Ministério das Finanças da Colômbia cancelou o leilão de notas do Tesouro denominadas em pesos (TES) que estava marcado para esta quarta-feira. De acordo com um porta-voz do ministério, o motivo é a volatilidade do câmbio. O peso colombiano caiu 9% frente ao dólar neste mês; hoje, a queda foi de 1,6%.Na quarta-feira passada, o governo planejava leiloar notas de 1 a 10 anos. Investidores interessados em notas de 5, 7 e 10 anos estavam pedindo taxas tão elevadas que o governo cancelou a venda desses papéis durante o leilão. A decisão de hoje, de cancelar o leilão antes que ele começasse, evita que o mesmo acontecesse novamente nesta quarta-feira. Investidores locais disseram que as quedas recentes do peso colombiano resultaram, em parte, dos problemas econômicos enfrentados por outros países sul-americanos, particularmente o Brasil, e do temor de "contágio".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.