Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Alta do petróleo derruba mercados asiáticos

As bolsas do sudeste asiático registraram quedas hoje em razão da alta do petróleo, que pode afetar os preços da energia elétrica e de insumos para as companhias de aviação, serviços públicos e indústrias químicas, prejudicando a recuperação econômica desses setores. No Japão, o Nikkei 225 caiu 1,83%, influenciado pela baixa em Wall Street (Dow Jones: -1,57%; Nasdaq: -3,05%), que atingiu principalmente os papéis de alta tecnologia e blue chips. O índice Kospi, da bolsa sul-coreana, sofreu retração de 1,54%. O mercado taiuanês fechou em queda de 0,60%, mas analistas consideraram o resultado positivo, pois a bolsa chegou a cair 1,20% durante o pregão, e acreditam que o mercado possa voltar ao território positivo amanhã. Nas Filipinas, o movimento de realização de lucros foi responsável pela queda de 0,33%. Às 4h20 (horário de Brasília), as demais bolsas do sudeste asiático registravam: Hong Kong: +1,17%; Indonésia: -0,24%; Malásia: -0,06%; Tailândia: +0,25% e Cingapura: +0,06%.

Agencia Estado,

25 de setembro de 2003 | 06h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.