Alta em Wall Street não impede queda na Ásia

O bom desempenho dos principais índices de Nova York não impediu que alguns mercados do sudeste asiático registrassem queda nesta terça-feira. Em Seul, o índice Kospi fechou em -1,56%, apesar de ter subido 1,40% durante o pregão, porque os investidores não estão muito seguros a respeito dos resultados em Wall Street. As incertezas sobre o mercado norte-americano também foram a tônica do pregão em Manila. A bolsa filipina fechou em baixa de 1,35% em razão da falta de incentivos de compra. Em Taiwan, a valorização da moeda local frente ao dólar continua a preocupar o mercado, que teme a perda de competitividade dos produtos da ilha. O pregão em Taipé encerrou o dia em -1,28%. Já o mercado japonês registrou alta (+0,24%) apesar da desconfiança em relação aos resultados nos EUA e da decepção com a falta de compromisso do primeiro-ministro com as reformas econômicas. No intervalo dos negócios, as demais bolsas dos sudeste asiático registravam: Hong Kong: -0,12%; Indonésia: -0,85%; Malásia: -0,86%; Tailândia: +0,02% e Cingapura: +1,67%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.