Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Aluguel: oferta diminui e valor sobe

A oferta de imóveis durante o mês de outubro foi menor do que a média anual, um reflexo da expectativa em relação aos resultados das eleições presidenciais, encerradas dia 27, segundo a Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo (AABIC). Nos seis setores em que a cidade está dividia, segundo o Índice Periódico de Valores Médios dos Aluguéis Residenciais (Ipevemar), da AABIC, houve diminuição de oferta, fator considerado natural, toda a vez que o mercado apresenta certo grau de incerteza. Em outubro, a elevação média dos aluguéis foi de 0,78%. "Apesar do aumento, esse índice indica, de certa forma, estabilidade, devido à margem mínima de variação, já que foram registrados o aumento de 0,83% em agosto e a queda de 0,02% em setembro", de acordo com o presidente da AABIC, José Roberto Graiche. Os imóveis que mais apresentaram redução de aluguéis foram os apartamentos de um e três quartos e as casas de três dormitórios. Em contrapartida, os apartamentos de quatro dormitórios foram os que acusaram maior elevação de aluguel (4,12%).Em outubro, o Ipevemar pesquisou os aluguéis de 3.262 imóveis. Apesar de mês a mês as variações terem sido em torno dos 5%, para mais ou para menos, em outubro, o número de imóveis postos para locação foi 14% menor, isto é, cerca de 40 mil propriedade disponíveis. "A expectativa", afirma Graiche, "é que o número de ofertas volte a crescer, em novembro, com a definição mais clara do quadro político do País e a recolocação no mercado dos imóveis vagos".Os aluguéis em São Paulo continuam sua disputa com o Índice Geral de Preços, já que os 0,78% de aumento da locação foram largamente superados pelos 3,67% do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M). O Ipevemar abrange, em sua pesquisa, imóveis com valor máximo de aluguel até R$7 mil e exclui os chamados imóveis globais, isto é, mobiliados, semi-mobiliados e os que incluem, no valor do aluguel, os custos do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e condomínio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.