Amazon/Distribuição
Amazon/Distribuição

Amazon abre mais um centro de distribuição na Grande São Paulo

Espaço faz parte dos planos da empresa de aumentar a rapidez das entregas no País

Sofia Aguiar, O Estado de S.Paulo

13 de maio de 2021 | 15h18

A Amazon anunciou nesta quinta-feira, 13, a abertura de um novo centro de distribuição em Cajamar, na Grande São Paulo, como parte de sua expansão no Brasil. O novo espaço, com 57 mil metros quadrados de área, faz parte dos planos da empresa de aumentar a rapidez das entregas.

No fim de março a empresa já havia anunciado a possibilidade de entrega de pedidos no mesmo dia, para clientes do centro expandido de São Paulo que fizerem o pedido até o meio-dia, com os produtos saindo justamente dos centros de distribuição do polo da empresa em Cajamar. 

Além deste novo centro, a Amazon tem outras oito unidades: quatro em Cajamar, um em Betim (MG), um em Santa Maria (DF), um em Nova Santa Rita (RS) e um em Cabo de Santo Agostinho (PE).

Ricardo Pagani, diretor de operações da Amazon no Brasil, avalia que o lançamento reflete o compromisso da companhia com os consumidores brasileiros. 

Para o prefeito de Cajamar, Danilo Joan, o novo centro de distribuição, que deve gerar 450 novos empregos diretos na região, reforça a referência da empresa como um polo de logística e, sobretudo, o potencial nacional para atrair investimentos privados. Joan classificou a parceria como de “extrema relevância econômica para a cidade”, em especial pela oportunidade de emprego que será oferecida nos municípios.

O lançamento reforça os serviços da Amazon no Brasil, com entregas ainda mais rápidas e frete grátis para clientes Prime. A expansão permite entregas a partir de dois dias a mais de 600 cidades para produtos com selo Prime, declarou Rafael Ferreira, líder do programa FBA, que cria oportunidades para uma rede de parceiros que contam com Amazon para armazenar e intermediar a entrega de seus produtos. 

Na terça-feira, 11, a companhia anunciou que seu site brasileiro passaria a contar com uma página exclusiva para compras internacionais para simplificar o processo de compra e o acesso às mercadorias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.