AmBev começa a construir cervejaria no Peru

A AmBev Peru começou oficialmente a construir sua cervejaria de US$ 40 milhões ao sul de Lima. "Todos os nossos recursos estão voltados para a construção da fábrica, que deverá levar seis meses", disse o gerente-geral Carlos Bembhy em cerimônia no terreno de 14,5 hectares em Huachipa. Bembhy afirmou que a "entrada da AmBev Peru no mercado vai imediatamente reduzir o preço da cerveja para os consumidores peruanos".Vários disputas de terra na região atrasaram o início da construção. A cervejaria deveria ter começado a operar em meados de 2004. "Enfrentamos muitos obstáculos, mas as coisas estão no rumo certo agora", disse Bembhy. "Esperamos entrar no mercado peruano em abril ou maio", acrescentou. Até agora, a AmBev Peru investiu US$ 56 milhões no país e espera elevar o total do investimento a US$ 80 milhões com a construção da unidade. A fábrica terá capacidade para produzir um milhão de hectolitros por ano, o que representa cerca de 16% do mercado peruano, disse Bembhy. "Se a demanda responder como esperamos, poderemos crescer facilmente." A companhia planeja vender a cerveja fabricada no Peru, mas Bembhy não descartou importar o produto durante os meses de verão, que começa em janeiro. "Estamos analizando esta possibilidade", disse. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.