AmBev não está sendo comprada, diz InterBrew

O executivo-chefe da InterBrew, John Brock, fez questão, hoje, de explicar que a sua empresa não está comprando a AmBev, já que haverá duas empresas com ações negociadas separadamemte. Segundo ele. A conclusão do negócio deverá ocorrer até o final de 2004. Brock, afirmou que a companhia não pagou um prêmio pela AmBev. "Quando tudo estiver concluído, a quantia total que a Interbrew investirá na transação será semelhante ao total investido pela AmBev como parte da compra das nossas operações no Canadá, EUA e México?, disse. Em entrevista ao serviço de informações corporativas Cantos, com sede no Reino Unido, Brock mostrou-se confiante quanto à possibilidade de a combinação das duas empresas enfrentar eventuais obstáculos regulatórios. "Se você observar a estrutura, nós vamos atuar em áreas geográficas distintas", respondeu. O executivo afirmou que não há planos de encerrar atividades e unidades no momento. Ele, no entanto, ressaltou que as duas empresas vão manter o foco na eficiência. John Brock explicou que a complexidade do acordo fechado com a AmBev deveu-se à necessidade de atender a todas as exigências das partes envolvidas. Ele afirmou que a combinação resultante, apesar da complexidade, vai ter um bom funcionamento. Segundo ele, a InterbrewAmBev terá como sede a cidade de Leuven e ações negociadas na Bolsa da Bélgica. Assim que o negócio for concluído, a InterbrewAmBev vai ter 57% do interesse econômico e 85% dos direitos votantes na Ambev. As ações da AmBev continuarão sendo negociadas na Bovespa e em Nova York. "Outra parte da transação que é muito importante para nós é que as operações da Interbrew no Canadá, EUA e México vão se tornar parte da AmBev", comentou. Quando o negócio for concluído, a AmBev terá dois executivos-chefes - um para a América do Norte e outro para a América do Sul. Eles responderão ao conselho da AmBev, mas também vão fazer parte do conselho executivo global da InterbrewAmBev, ao lado de administradores da Ásia e Europa. Leia mais Lucro da Interbrew subiu 9,1% em 2003, abaixo do esperado Ações da Interbrew caem 5,35% com anúncio de acordo Ambev e Interbrew anunciam termos de troca de ações Ambev admite vazamento de informações sobre fusão Ambev será investigada por uso de informação privilegiada AmBev anuncia que negocia várias operações com Interbrew Negociação AmBev-Interbrew derruba ações na Bélgica

Agencia Estado,

03 Março 2004 | 10h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.