Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

AmBev planeja investir para atender demanda na região Norte

A AmBev está de olho em investimentosna região Norte do país, em uma nova unidade ou na compra deuma marca com popularidade local, para sustentar em especial ocrescimento no Estado do Pará, disse nesta quinta-feira odiretor da empresa para América Latina, Luiz Fernando Edmond. O executivo afirmou que a demanda na região tem sidoatendida pelas fábricas da AmBev no Maranhão e, em menorvolume, pela da Paraíba. "No passado não fazia sentido adicionar à capacidade,porque nós já tínhamos. Mas agora entre tomar a decisão deinvestir nas mesmas fábricas ou em novas fábricas parece jáfazer sentido partir para uma fábrica nova", disse ele ajornalistas em conferência por telefone. Perguntado sobre se a marca Cerpa, com forte presença noNorte brasileiro, atrairia interesse da unidade da giganteglobal InBev, Edmond respondeu: "A gente não fala sobre nossaestratégia de aquisições, mas temos a necessidade de atender aregião Norte". "Estamos avaliando alternativas e até o fim do ano talvezestejamos aptos a anunciar alguma coisa... Não tem tempo parapostergar demais", declarou o executivo. Mais cedo a AmBev informou lucro líquido de 589,8 milhõesde reais no terceiro trimestre do ano, com alta de 21,3 porcento frente ao resultado do mesmo período do ano passado. (Por Maurício Savarese)

REUTERS

08 de novembro de 2007 | 17h20

Tudo o que sabemos sobre:
BEBIDASAMBEVNORTE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.