Amostras de sangue de rebanho do MS são examinadas em Belém

A partir de hoje, as amostras de sangue e de lesões colhidas dos rebanhos do município de Eldorado, no Mato Grosso do Sul, serão analisadas pelo Laboratório do Ministério da Agricultura em Belém (PA), para onde estão sendo encaminhadas. O último lote de amostras analisados no Recife incluíram 12 amostras de lesões e 90 amostras de sangue. O resultado saiu ontem à tarde e indicou a doença nas 12 amostras de lesões e em 90% das amostras de sangue. "Foi detectado o vírus O, um dos tipos característicos da febre aftosa", informou a coordenadora do Laboratório Nacional de Agropecuária em Pernambuco, órgão do Ministério da Agricultura, Diana Fione Pinheiro.Segundo ela, a transferência das análises de novas amostras colhidas em Eldorado (MS) foram repassadas para o laboratório de Belém, porque o laboratório do Recife está ocupado com o levantamento sorológico de 40 mil amostras de animais do Pará, Estado candidato a se tornar livre da febre aftosa através da vacinação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.