Anac: crise não vai atrasar concessão de aeroportos

Os editais de concessão dos aeroportos internacionais Antonio Carlos Jobim (Galeão) e Viracopos (Campinas) podem ficar prontos até o final do primeiro semestre do ano que vem. A estimativa foi dada nesta tarde pelo diretor da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) Ronaldo Serôa da Motta, que participou de um seminário sobre regulação de aeroportos no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), no centro do Rio. A crise mundial, segundo Serôa da Motta, não deverá atrasar esse cronograma. De acordo com o diretor da Anac, a primeira etapa para a elaboração dos editais deverá ser concluída até o final deste ano, prazo em que o Conselho Nacional de Aviação Civil (Conac) vai estabelecer as diretrizes e os parâmetros para a concessão do Galeão e de Viracopos. Integram o Conac os ministérios da Defesa, das Relações Exteriores, da Fazenda, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, do Turismo, da Casa Civil e do Planejamento, além do Comando da Aeronáutica.

ALBERTO KOMATSU, Agencia Estado

31 Outubro 2008 | 18h26

Mais conteúdo sobre:
aviação Anac aeroporto

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.