Anac tenta intermediar acordo entre TAM e Varig

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou nesta terça-feira que tenta intermediar um acordo entre Varig e TAM, para que seja quitada a dívida da Varig referente aos passageiros transportados em junho pela TAM. Durante solenidade realizada nesta terça, de lançamento da logomarca da Anac, a diretoria da agência afirmou que a negociação tem que ser entre as empresas.Segundo diretor Leur Lomanto, a agência pediu na segunda-feira a ajuda da 8ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, ainda responsável pela recuperação judicial de parte da Varig. "Pedimos que o juiz intercedesse junto à nova empresa no sentido de ela solucionar logo essa pendência, que chega a cerca de US$ 1,5 milhão nas rotas internacionais", disse.Ele ressaltou, no entanto, que a agência não pode fazer nada em relação à decisão da TAM de não mais aceitar endossos da Varig. "A Anac não tem respaldo legal para obrigar ninguém a aceitar o endosso, mas temos tentado a interlocução entre as empresas porque o nosso foco é o usuário", explicou.Desde a última sexta-feira, a TAM parou de aceitar bilhetes endossados da Varig, o que está prejudicando passageiros que estão em Paris, Nova York e Miami. A Anac estima que, em Nova York, haja 130 passageiros com reservas da Varig para voar e, em Miami, cerca de cem usuários.Crise e destinoO diretor-geral da Anac, Milton Zuanazzi, disse que, durante o período de emergência, que deve estender-se por mais alguns dias, qualquer empresa aérea nacional pode voar para os destinos em que a Varig não está conseguindo operar, mas temporariamente, ou seja, sem a garantia de que herdará em definitivo aquela rota. "Durante a emergência, qualquer companhia está liberada a pedir para voar", afirmou Zuanazzi, depois de questionado se a Anac não iria entregar a outras companhias as rotas que a Varig não está conseguindo atender e prejudicando passageiros.O diretor-geral da Anac ressaltou que o repasse definitivo de rotas da Varig para outras empresas aéreas só ocorrerá após a nova Varig definir sua malha de vôos. Pelo edital do leilão da empresa, os novos controladores têm prazo até 17 de agosto para isso.

Agencia Estado,

01 de agosto de 2006 | 13h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.