Analistas elevam pela 10ª vez projeção de inflação para 2004

As projeções do mercado financeiro para o comportamento da inflação em 2004 foram elevadas novamente, de acordo com pesquisa semanal produzida pelo Banco Central. Para os próximos 12 meses, as instituições elevaram de 6,26% para 6,27% a projeção média para a variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no período.Para o ano de 2004, como um todo, os analistas ouvidos pelo BC apostam que o IPCA acumulará uma alta de 7,08%, acima dos 7,05% estimados no levantamento anterior. Essa foi a décima semana consecutiva em que a projeção para a inflação em 2004 sofreu uma elevação.Para o curto prazo, as previsões vão no sentido contrário. As instituições e empresas consultadas acreditam que o IPCA acumulará uma alta de 0,92%, abaixo dos 0,95% estimados no levantamento anterior. Para agosto, a inflação esperada caiu de 0,59% para 0,58%.Para 2005, o cenário projetado não trouxe novidades: a inflação no próximo ano deverá ser de 5,5%. Para o conjunto dos preços administrados, que inclui itens como tarifas de energia elétrica e de telefonia, as instituições esperam que, em 2004, esses preços acumulem uma inflação de 8%, mesmo porcentual estimado na semana passada. Para 2005, a projeção também foi mantida: alta de 6,57%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.