finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Anatel toma decisão prévia sobre compra da TVA dia 30

Está na pauta da reunião de quinta-feira, dia 30, do conselho diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) o processo de anuência prévia para a compra da operadora de televisão por assinatura TVA, do Grupo Abril, pela Telefônica. O relator do processo é o conselheiro Antônio Bedran.O conselho da Anatel analisa agora somente o acordo de acionistas, referente a uma das operadoras do grupo: a de TV a cabo em São Paulo. Em meados de julho, a agência já havia aprovado o negócio, com a ressalva de que os sócios fizessem um novo acordo de acionista para eliminar a possibilidade de a Telefônica ter poder de veto nas decisões da operadora paulista.A Telefônica, como concessionária de telefonia fixa, está proibida de deter o controle de uma outra concessionária, como é a de TV a cabo. Para se enquadrar na regra, a Telefônica adquiriu apenas 19,9% das ações da operadora em São Paulo, ficando abaixo do limite que configura controle acionário. Na operação, a Telefônica comprou também operadoras em Curitiba, Rio de Janeiro e Florianópolis, para as quais não há restrições.Na sexta-feira, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), acusou a Anatel de aprovar uma "operação ilegal". A agência não quis se pronunciar sobre as acusações do senador. Depois de aprovado pela Anatel, o processo seguirá para a análise do Conselho Administrativo de Defesa Econômica.

GERUSA MARQUES, Agencia Estado

27 de agosto de 2007 | 16h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.