Anbid: fundos recuperam-se de saída de recursos

Em janeiro, os fundos de investimento recuperaram-se dos saques ocorridos no mês de dezembro do ano passado, em que houve saída líquida de R$ R$ 4,7 bilhões. Neste mês, até o dia 22, os depósitos foram de R$ 7,25 bilhões, de acordo com relatório da Associação Nacional de Bancos de Investimento (Anbid).O relatório da Associação indica que o fundo que teve maior entrada de recursos foi o de renda fixa multi-índices - que busca retorno com investimentos em ativos de renda fixa -, com R$ 2,899 bilhões. Os fundos referenciados DI (pós-fixados) também tiveram grande aporte, de R$ 1,649 bilhão.As maiores saídas de recursos se deram nos fundos multimercado com renda variável, que teve saques de R$ 191 milhões. Os fundos de privatização da Petrobrás também registraram saída de capital. As carteiras formadas por recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) apresentaram saques de recursos de R$ 18,34 milhões e os fundos com recursos próprios, de R$ 3,05 milhões.Veja no link abaixo a rentabilidade das carteiras, segundo relatório da Associação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.