Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Aneel autoriza reajuste de 8,7% nas tarifas de Itaipu

Aumento, a partir de janeiro, embute acordo feito com o Paraguai para assumir parte do financiamento da usina

Gerusa Marques, da Agência Estado,

10 de dezembro de 2008 | 12h00

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou na terça-feira, 9, um reajuste de 8,7% para as tarifas da energia produzida pela Usina Hidrelétrica de Itaipu. O aumento passa a vigorar em 1º de janeiro de 2009. Veja também:Brasil rejeita idéia de perdoar dívida do Paraguai, diz AmorimItaipu, um gigante polêmico Com o reajuste, o kilowatt (KW) de energia de Itaipu subirá de US$ 23,0270 para US$ 25,0298. A energia de Itaipu é cotada em dólar por pertencer ao Brasil e ao Paraguai. O reajuste aprovado na terça em reunião da diretoria da agência só terá reflexo na conta do consumidor final na data de reajuste anual de cada distribuidora. A energia de Itaipu, segundo a Aneel, é fornecida para 30 distribuidoras do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do País. Entre os itens que pesaram para o reajuste, está o acordo feito no início do ano passado pelo qual o Brasil assumiu o pagamento de cerca de US$ 8 milhões anuais, a título de correção monetária, da parte paraguaia do financiamento da construção da usina de Itaipu.

Tudo o que sabemos sobre:
EnergiaItaipuAneel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.