Aneel autoriza reajuste de energia no SE e no RN

Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou nesta terça-feira o reajuste na cobrança, a partir de sábado, da Energipe, que atende ao Estado do Sergipe, e da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern). A Energipe aumentará a cobrança em uma média de 7,08%. Para os moradores de Aracaju e de outros 64 municípios atendidos pela distribuidora, as tarifas terão uma redução de 0,82%, enquanto para os consumidores industriais a energia ficará 8,16% mais cara. A empresa, que atende 472.327 unidades consumidoras, havia pleiteado um reajuste de 18,27%. Para a Cosern, o reajuste médio será de 8,23%, contra os 10,73% pleiteados. Com o reajuste, o consumidor residencial terá uma redução de 2,25% em suas tarifas, enquanto as indústrias terão um incremento 7,13% mais caras. A Cosern fornece energia a 843.467 unidades de consumo em 167 municípios do Rio Grande do Norte, incluindo a capital, Natal. A Aneel também autorizou um reajuste médio de 11,35% nas tarifas da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba). A empresa havia pleiteado 14,07%. Com o reajuste, a energia dos consumidores residenciais da companhia subirá 2,22% mais cara e a dos consumidores industriais subirá 9,15%. As novas tarifas entrarão em vigor neste sábado. A Coelba atende 3,682 milhões de unidades de consumo em 374 municípios baianos, incluindo a capital, Salvador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.