Aneel define níveis mínimos de segurança em reservatórios de hidrelétricas

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira os níveis mínimos de armazenamento de água dos reservatórios das usinas hidrelétricas até o fim de 2017, dentro do mecanismo conhecido como Curva de Aversão ao Risco.

Reuters

23 de abril de 2013 | 16h24

Esses níveis representam a quantidade mínima de água que deve permanecer nas represas em cada região do país, em diferentes épocas de cada ano, até 2017, de modo a garantir a segurança no suprimento de energia do país.

Para dezembro deste ano, por exemplo, foram aprovados níveis mínimos de 28 por cento para o Sudeste/Centro-Oeste, de 48 por cento para o Sul e de 33 por cento para o Nordeste.

(Reportagem de Leonardo Goy)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIAANEELRESERVATORIOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.