Aneel: leilão de transmissão terá 23 investidores

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) abriu hoje a lista de empresas que irão participar do primeiro leilão de transmissão do ano, que será realizado amanhã, no Rio de Janeiro. Segundo a agência reguladora, 23 investidores, entre empresas individuais e consórcios, depositaram as garantias na Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia (CBLC) para disputar os 12 lotes de transmissão que serão licitados pelo governo.Segundo a lista, os lotes A, B e C terão forte competição. Os três lotes compreendem a linha de transmissão Tucuruí (PA) - Manaus - Macapá, empreendimento mais importante da licitação de amanhã por promover a integração da Região Norte ao Sistema Interligado Nacional (SIN). O lote A será disputado pelo consórcio Amazonas (Eletronorte, Chesf, Abengoa e Fundo de Investimentos em Participações Brasil Energia), pela Abengoa, pelo consórcio Trans-Manaus (Alupar, Cymi, Elecnor e Cteep) e pela Isolux.Já o lote B será disputado pelo consórcio Amazonas, pelo consórcio Solimões (Alupar, Cobra Instalaciones y Servicios, Elecnor e Cteep), pela Isolux, pela Orteng e pela Schahin Engenharia. Brigarão pelo lote C os consórcios Amazonas e Solimões e a espanhola Isolux.Consta na lista que a Terna Participações, pré-qualificada para nove lotes, depositou garantias para disputar apenas os lotes D, G, I e L. Já a Cemig disputará os lotes D, H, I e G. A espanhola Isolux e a Cteep disputarão todas as linhas do leilão de amanhã. A lista completa e a descrição dos lotes podem ser acessadas no site http://www.aneel.gov.br/area.cfm?idArea=54, no link edital e documentos vinculados.

WELLINGTON BAHNEMANN, Agencia Estado

26 de junho de 2008 | 20h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.