Aneel prevê tarifa menor com integração da Região Norte

O ministro interino de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, classificou hoje como um sucesso absoluto o leilão de linhas de transmissão realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Segundo ele, o principal destaque ficou com a venda dos lotes A, B e C, na Região Norte, que ligam Tucuruí (PA), Manaus (AM) e Macapá (AP). Com isso, será possível interligar o último grande sistema isolado do Brasil, trazendo benefícios para a sociedade brasileira.Hoje, todos os consumidores brasileiros subsidiam a energia dos sistemas isolados (Manaus e Macapá), por meio da Conta de Consumo de Combustíveis (CCC). O diretor-geral da Aneel, Jerson Kelmann, acredita que haverá uma queda de 20% no preço cobrado ao consumidor com a entrada em operação das linhas de transmissão que farão a integração com o sistema isolado. Hoje, a integração custa cerca de R$ 1,5 bilhão, e deve cair para R$ 300 milhões com a entrada em operação dos novos lotes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.