Aneel propõe tarifa menor para CPFL Paulista e Cemig

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) apresentou hoje as propostas de revisões tarifárias para a CPFL Paulista e para a Cemig. A distribuidora do interior de São Paulo deverá ter uma redução média de 14,02% nas tarifas de energia, enquanto a distribuidora mineira poderá ter um redução de 9,72%, em média.As duas propostas serão discutidas em audiências públicas. A da CPFL Paulista está marcada para 27 de fevereiro, em Campinas (SP), e a da Cemig, para 28 de fevereiro, em Belo Horizonte. As tarifas definitivas entrarão em vigor a partir de 8 de abril.A CPFL Paulista abastece cerca de 3,3 milhões de unidades de consumo em 234 municípios de São Paulo, como Campinas, Araraquara e Marília. A Cemig fornece energia a 6,3 milhões de unidades de consumo em 774 municípios mineiros, incluindo a capital.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.