ANP cancela autorização da Petroforte

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) cancelou, nesta terça-feira, a autorização de funcionamento da Petroforte Brasileiro Petróleo Ltda, empresa de Ari Natalino da Silva, suspeito de ser um dos maiores adulteradores de combustíveis do País e sob investigação da Polícia Federal, do Ministério Público e da CPI dos Combustíveis. O processo administrativo que resultou na revogação do registro de funcionamento da Petroforte foi iniciado pela ANP em julho. A empresa não apresentou toda a documentação exigida para a atualização do seu cadastro como distribuidora de combustíveis.Desde fevereiro, a Petroforte não compra combustíveis nas refinarias da Petrobras, mas há suspeitas de que a empresa continue fazendo negócios no setor, por meio da compra de combustíveis em outras distribuidoras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.