ANP fará leilão extra de biodiesel para compor estoques

O diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Haroldo Lima, confirmou hoje a realização de um leilão adicional para compra de biodiesel ainda em dezembro. O objetivo, com a operação, é compor estoques do produto, cuja adição ao diesel será obrigatória na proporção de 2% a partir de 1º de janeiro de 2008.O superintendente de abastecimento da ANP, Edson Silva, informou que o órgão deve divulgar amanhã resolução instruindo Petrobras e Refap (Refinaria Alberto Pasqualini) a realizar o leilão, que ainda não tem data definida. Lima estimou que a operação deve ocorrer por volta do dia 20 de dezembro. Serão negociados entre 100 e 150 milhões de litros, disse o diretor. Ele lembrou que foram feitos oito leilões de compra de biodiesel até agora, que negociaram 480 milhões de litros.Para implantar a mistura de 2% de biodiesel ao diesel, serão necessários cerca de 840 milhões de litros em 2008. O volume restante será contratado em novos leilões ao longo de 2008, explicou o diretor. Ele avaliou que a maior dificuldade não é contratar o produto, mas sim assegurar a entrega dentro do prazo estabelecido. Por isso, a ANP modificou as regras de leilões para obrigar os vendedores a entregar no prazo fixado, observou Lima.O diretor da ANP considerou "seguras" as condições para início da segunda fase do programa de biodiesel, que prevê a adição de 2%. A ANP vai mudar um pouco seu método de fiscalização para verificar o cumprimento da exigência de mistura, indicou Lima. Conforme ele, uma distribuidora poderá comprar determinada quantidade de diesel após comprovar que adquiriu 2% de biodiesel para cumprir a exigência. A BR Distribuidora foi a primeira a adaptar sua estrutura para a entrada em vigor da exigência e as demais estão preparando suas condições de armazenagem, explicou o diretor.A ANP prepara a entrada em vigor da adição há três anos e meio, lembrou Lima. Nesse período, foram feitas 20 reuniões nacionais com o setor e, neste mês, a agência realiza quatro encontros regionais com revendedores para responder dúvidas. Os representantes da ANP realizaram hoje reuniões em Porto Alegre e Salvador e amanhã haverá outra em Cuiabá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.