Anvisa proíbe venda de lote contaminado da água São Lourenço

Água está contaminada com a bactéria 'Pseudomonas aeruginosa', que pode causar infecções, principalmente em crianças, gestantes e pessoas com sistema imunológico fragilizado

Economia & Negócios

15 de agosto de 2014 | 11h20

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a proibição da distribuição e comercialização, em todo o País, do lote 32966047S1, com validade até 23 de outubro de 2014, da água mineral natural da marca São Lourenço, produzida pela Nestlé Waters Brasil - Bebidas e Alimentos.

Após denúncia de um consumidor, que relatou gosto estranho do produto, uma amostra da água foi coletada pela Vigilância Sanitária de Campinas para análise.

A Anvisa informa que laudo do Instituto Adolfo Lutz apontou a presença da bactéria Pseudomonas aeruginosa acima do limite estabelecido na legislação sanitária.

Segundo a Anvisa, a Pseudomonas aeruginosa causa alterações de odor e sabor nos alimentos, mas normalmente não representa risco preocupante à saúde da população em geral. No entanto, em crianças, gestantes e pessoas com sistema imunológico fragilizado, a bactéria pode causar infecções.

O recolhimento do lote contaminado é de responsabilidade da empresa e deve ser realizado imediatamente.

A resolução com essa proibição foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira, 15.

Comunicado. "A Nestlé Waters divulgou a seguinte nota sobre o assunto: "Em relação à resolução da Anvisa publicada hoje no Diário Oficial da União, a Nestlé Waters informa que desde que recebeu o primeiro contato da autoridade sanitária, em fevereiro/14, informando sobre alteração de parâmetro no lote 32966047S1 da Água São Lourenço Natural Sem Gás 300 ml, produzido em outubro de 2013, tomou a decisão de suspender imediatamente a distribuição e comercialização do referido lote. A medida foi tomada ainda que controles internos, confirmados por análises realizadas em laboratório certificado pelo Inmetro, em diversas amostras do mesmo lote, não tivessem apontado nenhuma desconformidade com a legislação vigente.A empresa reitera que a segurança e a qualidade de seus produtos são prioridades inegociáveis, razão pela qual adota rígidos padrões e controles em todas as etapas dos processos de fabricação. Para o esclarecimento de dúvidas ou informação adicional, a empresa coloca à disposição dos consumidores os canais do Serviço Nestlé ao Consumidor e o telefone 0800 979 1819".

Tudo o que sabemos sobre:
AnvisarecallSão Lourenço

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.