carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Apenas redução da jornada não gera empregos, diz Berzoini

O ministro do Trabalho, Ricardo Berzoini, disse hoje que a redução de jornada de trabalho não será suficiente para aumentar a geração de empregos no País. Ao participar da abertura da reunião da Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados, Berzoini defendeu que essa proposta seja discutida no âmbito de uma ampla reforma da legislação trabalhista. "Não acredito na redução da jornada como uminstrumento cujo foco seja apenas a criação de emprego", disse o ministro.Na avaliação que fez do tema aos parlamentares, ele ponderou que, muitas vezes, a produtividade do trabalhador - elevada por mais conhecimento e adoção de novas técnicas - pode andar numa velocidade muito mais rápida que a possibilidade política de se fazer uma redução de jornada.A proposta de reduzir a jornada semanal de trabalho, sem diminuição de salários, tem sido defendida pelas centrais sindicais como forma de melhorar as condições e aumentar as vagas no mercado de trabalho brasileiro.

Agencia Estado,

14 de abril de 2004 | 14h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.