Apex levou este ano 680 empresas a eventos internacionais

A Agência de Promoção de Exportações (Apex) levou 680 empresas brasileiras a 43 eventos internacionais no primeiro trimestre do ano, com investimento de US$ 3 milhões. Segundo dados da agência, ligada ao Ministério do Desenvolvimento, a participação em feiras estrangeiras proporcionou, de janeiro a março, US$ 50,3 milhões em contratos fechados. Outros US$ 256 milhões estão em negociação.Um dos destaques do trimestre foi a participação de 12 fabricantes de produtos odontológicos à única feira internacional do setor, o International Dental Show (IDS), em Colônia, Alemanha. Foram fechados contratos de US$ 765 mil, e a expectativa é de que os contatos com 320 importadores de vários países proporcione outros US$ 2,5 milhões nos próximos 12 meses.Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamento Médico, Odontológico e de Laboratórios (Abimo), o Brasil exportou em 2002 cerca de US$ 33 milhões em produtos odontológicos, com aumento de 16% em relação a 2001. As 12 empresas participaram do evento por causa de uma parceria entre a Abimo e a Apex. Segundo o presidente da Apex, Juan Quirós, "os resultados dependem da seqüência dos contatos pós-feira, o que garante clientes fiéis e negócios futuros".Outras cinco empresas brasileiras participaram do evento, mas sem o apoio da Apex. A feira reuniu 1400 expositores de 51 países, 59% de fora da Alemanha. O IDS recebeu 63 mil compradores de 132 países.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.