Apex quer Brasil nas vitrines mais sofisticadas do mundo

O presidente da Agência de Promoção às Exportações (Apex), Juan Quirós, quer repetir em Paris e em Madri a invasão de produtos brasileiros que vai acontecer em Londres, no mês de maio. Na semana que vem, Quirós se reúne, na capital francesa, com representantes de três ícones do consumo - as Galerias Laffayte, Les Printemps e o Bon Marché - para apresentar um modelo de promoção comercial semelhante ao que vai ser realizado pela sofisticada magazine londrina Selfridges a partir de 4 de maio. Por 25 dias, as vitrines da loja serão decoradas de verde e amarelo e exibirão produtos brasileiros dos segmentos de moda, decoração, alimentação, bebidas, jóias, cosméticos, música e artesanato. Em 30 de março, Quirós se encontra com representantes da mais famosa loja de departamentos da Espanha, El Corte Inglés, com o mesmo propósito. "Somos parceiros da Selfridges nesse evento e vamos tentar repetir o evento "verde e amarelo" em outras capitais européias, se os magazines se interessarem", afirmou Quirós. Em maio, o Brasil é tema de evento semelhante, e já confirmado, em galeria de arte de Moscou, onde serão expostos produtos brasileiros por uma semana. Em junho, é a vez de Xangai, na China, ter um evento brasileiro. No mês brasileiro da Selfridges, a Apex deve investir R$ 1,5 milhão como co-patrocinadora e dará apoio logístico à exposição. Segundo Quirós, um grupo de jornalistas britânicos virá ao Brasil ainda neste mês, em uma espécie de evento preparatório para a promoção na Selfridges. O luxuoso magazine da Oxford Street, mais movimentada rua comercial de Londres, tem por tradição promover periodicamente eventos temáticos de países exóticos.

Agencia Estado,

17 Março 2004 | 12h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.