FABIO MOTTA/ESTADÃO
FABIO MOTTA/ESTADÃO

Após acordo, diretoria e conselho da Petrobrás devem aprovar cessão onerosa

Solange Guedes destacou que a diretoria e o conselho são reiteradamente informados dos avanços das negociações com o governo

Fernanda Nunes e Denise Luna, O Estado de S.Paulo

08 Maio 2018 | 14h53

RIO - A diretoria executiva da Petrobrás, os comitês do conselho de administração e o próprio conselho de administração deverão aprovar as condições do acerto da cessão onerosa que deve ser firmado com o governo até o dia 17 de maio.

+ Petrobrás tem lucro de R$ 6,9 bilhões no 1º trimestre, 56% maior do que o ano passado

A informação é da diretora de Exploração e Produção da companhia, Solange Guedes, que participa de teleconferência com analistas para apresentar o resultado financeiro do primeiro trimestre.

Ela destacou que a diretoria e o conselho são reiteradamente informados dos avanços das negociações com o governo. Mas que, assim que os dois lados chegarem a um acordo, o tema será novamente levado às reuniões.

Mais conteúdo sobre:
Petrobrás

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.