Após altas recordes, preço do petróleo cai 2,4%

Depois de seguidas altas recordes, os contratos futuros de petróleo caíram hoje em Nova York (2,4%) e Londres (2,5%), influenciados pela queda de 2,12% dos preços dos futuros de gasolina. Analistas disseram que o movimento ocorreu em meio a uma realização de lucro após os preços recordes e diante das expectativas de crescimento dos estoques de gasolina e petróleo nos EUA.Nesta quinta-feira, saem relatórios semanais do American Petroleum Institute (API) e do Departamento de Energia (DOE). No final de semana os membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) se reúnem em Amsterdã e há expectativa de aumento da oferta. Se os relatórios apontarem um crescimento dos estoques de gasolina, "isso deverá acalmar" os investidores, disse o analista da Alaron Trading, Phil Flynn.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.