Após pagar dívidas,consumidor aumenta gastos em 2007--pesquisa

Em 2005 o consumidor brasileiro seendividou, em 2006 ele atingiu o equilíbrio de suas contas e em2007 começou a melhor o padrão de vida, segundo pesquisadivulgada nesta quinta-feira. A renda média do brasileiro avançou 5 por cento neste anofrente ao anterior, para 1.463 reais, mostrou o estudo daempresa de pesquisa LatinPanel. O gasto médio dos domicílioscresceu 4 por cento, para 1.417 reais. Os dados mostram uma evolução em relação aos anosanteriores. Em 2005, a renda era 3 por cento menor que o gasto;em 2006 ela era 2 por cento maior e em 2007, 3 por centosuperior ao gasto. "2005 foi o ano do endividamento; 2006 foi o ano daconsolidação e 2007 foi o ano de ir às compras", disseMargareth Utimura, diretora de atendimento da LatinPanelBrasil. "Ano a ano, nos últimos anos, acontece o aumento da renda edo emprego. Recentemente houve um 'boom' de compra de bensduráveis e, portanto, um endividamento. Agora, a populaçãocontinua pagando algumas contas, mas já está conseguindomelhorar o consumo." O maior avanço dos gastos ficou com o item Vestuário, comalta de 11 por cento em 2007 sobre o ano anterior. O gasto com Habitação aumentou 9 por cento. A alta do gastocom Alimentação fora de casa e Saúde foi de 8 por cento emambos os itens e com Lazer foi de 7 por cento. A melhora do poder de compra e do padrão de consumo podeser visto, por exemplo, na alimentação, segundo Margareth. "Os itens básicos foram penalizados para sustentar aexpansão do consumo de itens industrializados maissofisticados." A pesquisa foi feita com 24 mil indivíduos em 8.200domicílios. (Por Vanessa Stelzer)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.