finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Após quatro meses de queda, inflação do aluguel sobe 0,20% em setembro, diz FGV

Índice de Preços ao Consumidor que representa 30% do IGP-M subiu 0,42% neste mês

O Estado de S. Paulo

29 de setembro de 2014 | 08h27

O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) acelerou de -0,27% em agosto para 0,20% em setembro, divulgou a Fundação Getúlio Vargas (FGV). Com o resultado, a inflação do aluguel interrompe uma sequência de quatro quedas. Em maio havia caído 0,13%, em junho, 0,74%, em julho 0,61%, e em agosto, 0,27%.

O resultado do IGP-M deste mês, porém, ficou abaixo do piso do intervalo das estimativas dos analistas do mercado financeiro consultados pela Agência Estado, que iam de 0,25% a 0,45%, e que tinham como mediana 0,34%.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60% do índice geral, subiu 0,13% em setembro, contra queda de 0,45% no mês anterior. 

Já o Índice de Preços ao Consumidor, com peso de 30% no IGP-M, acelerou a alta para 0,42%, frente à variação positiva de 0,02% em agosto.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), por sua vez, avançou 0,16%, após alta de 0,19%.

O IGP-M é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de energia elétrica e aluguel de imóveis. (Com Agência Estado e Reuters)

Tudo o que sabemos sobre:
inflaçãoaluguelIGP-M

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.