José Cruz/Agência Brasil
José Cruz/Agência Brasil

balanço

Ouro é o investimento com melhor retorno no 1º semestre. Bolsa, o pior

Após questionamentos, Caixa eleva porcentual de novos empréstimos ao Nordeste para 3%

Reportagem publicada na quinta-feira, 1º, no Broadcast e nesta sexta-feira, 2, no 'Estado' mostrou que a Caixa reduziu a concessão de novos empréstimos para o Nordeste neste ano

Camila Turtelli e Adriana Fernandes, O Estado de S.Paulo

02 de agosto de 2019 | 15h24

BRASÍLIA - A Caixa elevou o porcentual de novos empréstimos aos Estados e municípios do Nordeste de 2,2% para 3%, nos últimos quatro dias, depois que a reportagem do Estadão/Broadcast questionou o banco sobre a queda dos repasses à região, no início desta semana. 

A reportagem publicada na quinta-feira, 1º, no Broadcast e nesta sexta-feira, 2, no Estado mostrou que a Caixa reduziu a concessão de novos empréstimos para o Nordeste neste ano. O levantamento foi feito com base nos números do próprio banco e do sistema do Tesouro Nacional. Em 2019, até a última terça-feira, 30, o banco autorizou novos empréstimos no valor de R$ 4 bilhões para governadores e prefeitos de todo o País. Para o Nordeste, foram fechadas menos de dez operações, que juntas totalizam R$ 89 milhões, ou cerca de 2,2% do total - volume muito menor do que em anos anteriores.

Desde então, seis novos empréstimos para municípios, dois da Bahia e um do Piauí, entraram no sistema, totalizando R$ 48,3 milhões. Com isso, o total de repasses para o Nordeste em 2019 passou para R$ 136,38 milhões. A somatória de todos os novos empréstimos feitos pela Caixa também teve aumento, de R$ 4 bilhões, passou para R$ 4,48 bilhões. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.