Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Aposentados terão mais uma chance para se recadastrar

O Ministério da Previdência Social dá mais uma chance para 493 mil aposentados que ainda não compareceram às agências bancárias para atualizar seus dados cadastrais. A partir de amanhã, a Previdência fará uma nova convocação dos aposentados e pensionistas com benefícios com final de numeração 1 e 2, que desde de abril e maio deveriam ter se apresentado às agências bancárias. Nesses meses, foram convocados um total de 2,9 milhões de segurados.Segundo o ministério os faltosos serão avisados por meio de cartas registradas ou editais. No total, 352 mil beneficiários serão reconvocados por carta e 141 mil por meio de editais publicados em jornais de grande circulação em cada Estado do país. Os aposentados e pensionistas que não responderem ao Censo correm o risco de ter o pagamento suspenso.Nessa segunda fase do censo, a Previdência Social está convocando, por etapas, 14,7 milhões de segurados. Desde março, eles estão recebendo avisos personalizados nos terminais bancários com informações sobre o mês em que cada um deverá comparecer ao banco para atualizar os dados cadastrais. A primeira convocação só termina em janeiro de 2007, quando serão chamados os segurados com final de benefício de número zero.Os segurados devem atualizar os dados cadastrais nas próprias agências bancárias onde recebem o pagamento. Nenhum segurado deve ir a uma agência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para fazer o recadastramento. Nesses locais são realizados os trabalhos de combate à fraudes e a pagamentos indevidos. Os documentos obrigatórios para fazer o censo são a carteira de identidade ou de trabalho e o CPF (Cadastro de Pessoa Física).O INSS recomenda ainda que o segurado forneça, na agência bancária, o endereço atualizado, apresentando um comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone) e o número do PIS (Programa de Integração Social) ou o Número de Inscrição do Trabalhador (NIT).

Agencia Estado,

17 de julho de 2006 | 19h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.