Apple nega bloqueio ao Google Voice

TECNOLOGIA

, O Estadao de S.Paulo

23 de agosto de 2009 | 00h00

A Apple informou aos reguladores federais dos Estados Unidos que não permitiu que o programa Google Voice funcione no iPhone porque altera funções importantes do dispositivo, mas negou que tenha recusado definitivamente a aplicação. "Ao contrário do que afirmaram algumas publicações, a Apple não recusou a aplicação do Google Voice, e segue estudando o tema", disse a fabricante decomputadores e celulares em carta à Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês). A FCC indagou sobre a decisão da Apple de bloquear o programa do Google, que oferece diversos serviços gratuitos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.