Arcelor e Mittal descartam oferta por Acesita e Arcelor Brasil

As siderúrgicas Arcelor e Mittal Steel informaram nesta quarta-feira que seu projeto de fusão não acarretará uma mudança de controle das filiais brasileiras do grupo europeu, Arcelor Brasil e Acesita, por isso não é necessário formular uma oferta de aquisição pública aos acionistas das duas companhias.Em uma nota de imprensa, a Arcelor e a Mittal Steel assinalaram que, uma vez liquidada a oferta da siderúrgica anglo-indiana ao grupo europeu, nenhum acionista - nem mesmo a família Mittal - será titular de mais de 50% da Mittal Steel, assim como nenhum participante terá o controle final da Arcelor. Após rejeitar a oferta de aquisição pública da Mittal Steel durante quase cinco meses, no último dia 25 a direção da Arcelor decidiu recomendar a seus acionistas que aceitassem a última proposta do grupo anglo-indiano, de 40,4 euros por ação.Os acionistas do grupo europeu - surgido em 2002 após a fusão da luxemburguesa Arbed com a francesa Usinor e a espanhola Aceralia - têm até o próximo dia 13 para decidir se aceitam ou não a oferta pública de aquisição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.