Arcelor planeja empreendimento de energia na Índia, diz jornal

Segundo a empresa, as usinas de energia devem ser construídas em Jharkhand, Orissa eKarnataka, e sua produção deverá ser baseada em carvão térmico

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

31 de maio de 2010 | 11h54

A ArcelorMittal, a maior companhia siderúrgica do mundo em volume, planeja expandir suas atividades no setor de energia da Índia, e deverá construir usinas de energia térmica, com a possibilidade do uso de gás, afirmou o jornal Business Standard em sua página na Internet, citando uma fonte associada ao novo empreendimento.

A fonte não forneceu mais detalhes sobre a capacidade ou a localização para o empreendimento proposto de geração de energia, mas disse que a companhia contratou Prosad Dasgupta para assumir a função de executivo-chefe de sua divisão de energia, de acordo com o jornal. Dasgupta era diretor administrativo da Petronet LNG, a maior importadora da Índia de gás por navio.

De acordo com a página da ArcelorMittal na Internet, o porta-voz da companhia disse que a empresa estava buscando criar uma equipe a fim de construir usinas para a captação de energia para sua infraestutura de produção de aço na Índia. "Tais usinas de energia devem ser construídas em Jharkhand, Orissa e Karnataka, e sua produção deverá ser baseada em carvão térmico", disse o porta-voz.

No Brasil, a ArcelorMittal controla a ArcelorMittal Tubarão, a ArcelorMittal Vega, a ArcelorMittal Aços Longos, a ArcelorMittal Inox Brasil e a ArcelorMittal Serra Azul.

As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
ArcelorMittalsiderurgiaenergia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.