Área geográfica protege Friboi de restrição da UE

O frigorífico Friboi informou hoje que poderá se proteger de eventuais restrições impostas pela União Européia (UE) à carne brasileira, por meio da diversificação geográfica de suas unidades. Em comunicado, a companhia afirmou que possui 20 fábricas em nove Estados brasileiros, das quais dez são habilitadas para exportar para o mercado europeu."O Friboi detém total flexibilidade de reordenamento de sua produção", informou Sérgio Longo, diretor de Finanças e Relações com Investidores, por meio de nota. A empresa destacou ainda que sua política de internacionalização contribui para a reorganização de seus negócios, caso seja necessário.Ontem, a União Européia confirmou que poderá ampliar as restrições que aplica às exportações de carne bovina do Brasil, devido a supostas deficiências no controle sanitário do País apontadas por uma missão de veterinários do bloco que esteve no Brasil em novembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.