Argentina aprova repatriar dinheiro

DOCE REGRESSO

, O Estadao de S.Paulo

19 de dezembro de 2008 | 00h00

O Senado da Argentina aprovou projeto de lei que já havia passado na Câmara, que estabelece moratória para impostos de empresas em atraso antes deste ano e dá benefícios fiscais para pessoas físicas que repatriarem dinheiro que mantêm no exterior.Os críticos do projeto dizem que ele equivale à legalização da lavagem de dinheiro, por ser tolerante com indivíduos que mantêm bilhões de dólares em recursos não declarados no exterior e que essas pessoas poderão repatriar dinheiro de origem questionável sem explicar sua origem à Receita argentina.A presidente Cristina Kirchner deve sancionar a nova lei.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.