Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Argentina discute com o Brasil possibilidade de acordo de livre-comércio com os EUA, diz Macri

Presidente argentino afirmou que se trata de uma "oportunidade histórica", já que se abre um "mercado de 500 milhões de consumidores para o bloco sul-americano"

Associated Press

04 de julho de 2019 | 14h37

BUENOS AIRES - O presidente da Argentina, Mauricio Macri, afirmou nesta quinta-feira, 4, que seu país discute com o Brasil um acordo de livre-comércio com os Estados Unidos

"O mundo se interessa em se relacionar conosco", disse Macri em um ato com pequenas e médias empresas, em que destacou as vantagens do recente pacto entre a União Europeia e o Mercosul. O presidente argentino afirmou que se trata de uma "oportunidade histórica", já que se abre um "mercado de 500 milhões de consumidores para o bloco sul-americano".

O ministro das Relações Exteriores da Argentina, Jorge Faurie, também argumentou que existe a possibilidade de um acordo de livre-comércio com os Estados Unidos, dizendo que "complementaria e muito" o que o Mercosul "tem feito com a União Europeia".  

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.