Argentina exportou US$ 268 milhões em biocombustível

A Secretaria de Agricultura da Argentina anunciou que o país exportou US$ 268,4 milhões em biocombustível em 2007, correspondente a pouco mais de 319 mil toneladas do produto. O volume vendido ao exterior no ano passado indica um crescimento substancial das exportações de biocombustível produzido na Argentina, se comparado com 2006, quando as vendas chegaram apenas a US$ 200 mil.Do total exportado, 73% foi destinado aos Estados Unidos, enquanto que o resto foi enviado à Europa.A Argentina embarcou no negócios de biocombustível recentemente, após verificar o sucesso do Brasil no setor. No ano passado, os produtores locais realizaram um congresso internacional, que contou com a presença do ex-vice-presidente norte-americano Al Gore.Atualmente existem oito empresas na Argentina habilitadas para exportar biocombustível. Além disso, há outras cinco fábricas em construção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.