Argentina troca US$ 4,202 bi em bônus

O governo argentino conseguiu alongar US$ 4,202 bi de sua dívida pública ao fazer a primeira troca de bônus programada para este ano. De acordo com a Secretaria de Finanças, a demanda nominal chegou ontem a US$ 8,277 bi. Do valor nominal da dívida pública trocado ontem, US$ 2,608 bi se referem a Bônus do Tesouro (Bontes), com vencimento em 2006, e a uma taxa de 11,75% anual. Os outros US$ 1,593 bi se referem a Bônus Globais com vencimento em 2012, a uma taxa de 12,375%. A Secretaria de Finanças antecipou à Agência Estado que o swap de bônus implicou redução de US$ 191,6 mi do valor nominal da dívida pública e um ganho financeiro de US$ 18,5 mi. A operação implicou ainda uma redução das amortizações da dívida pública de US$ 3,105 bi até 2004.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.