Argentinos fazem panelaço no Banco de La Nación

Um novo panelaço contra o Banco Nación (similar ao Banco do Brasil na Argentina) acontece nesta tarde. Desde a madrugada de hoje, enormes filas já se formavam em frente à sede do banco, que limitou a venda de dólares à quantia de US$ 300 por pessoa. A lentidão no atendimento aos clientes, verificada hoje, provocou um novo panelaço dentro e fora das dependências do banco. Ontem, o banco havia interrompido a venda de dólares e fechado suas portas. A população reagiu imediatamente com um panelaço improvisado e com golpes nas portas da instituição, até que o banco decidiu reabrir a venda da moeda. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.