Argentinos voltarão a bloquear passagens para o Uruguai

As entidades ambientais da província argentina de Entre Ríos voltarão a bloquear, de forma simultânea, as três passagens para o Uruguai em protesto contra a instalação de uma fábrica de celulose às margens do rio que marca a fronteira comum entre os países.Segundo os manifestantes, o novo bloqueio será iniciado no dia 7 de abril e se estenderá até a noite do dia seguinte, coincidindo com o feriado da Semana Santa, quando milhares de turistas argentinos viajarão rumo ao Uruguai.A medida renova os protestos dos argentinos ribeirinhos do Rio Uruguai contra a instalação de uma fábrica de celulose da empresa finlandesa Botnia.A passagem para Fray Bentos da cidade argentina de Gualeguaychú permanece bloqueada desde 20 de novembro, enquanto outras duas pontes registram bloqueios temporários.A Argentina recorreu à Corte Internacional de Justiça de Haia contra a decisão do Uruguai de autorizar unilateralmente a construção da fábrica, que afeta um recurso fluvial que é de administração compartilhada.O Uruguai recorreu à mesma instância judicial contra os bloqueios das passagens fronteiriças.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.