Armínio Fraga divulga nota

O presidente do Banco Central, Armínio Fraga, divulgou nesta manhã uma nota à imprensa para esclarecer as declarações que deu em entrevista coletiva concedida na última quarta-feira.A íntegra da nota:"A propósito de algumas declarações que fiz na entrevista à imprensa na última quarta-feira, gostaria de afirmar: muitos ainda não entenderam que o Brasil enfrenta, neste momento, um problema de falta de crédito e falta de confiança. Mas isso não significa que o Banco Central vai ficar parado. Seria um absurdo. O Banco Central vai continuar trabalhando, como sempre trabalhou, em momentos difíceis no passado, dando conta do recado.Na entrevista, procurei argumentar que existem respostas menos custosas para a sociedade, que são aquelas que afetam de maneira crível as expectativas. É isso que eu propus a partir de um diagnóstico correto do quadro atual.Reitero o que sempre tenho dito: com perseverança e serenidade, estou seguro de que o Brasil vai ser capaz de dar uma resposta a esse quadro e retomar uma trajetória tranqüila de desenvolvimento."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.