Arrecadação tributária de São Paulo cresceu 3,8% em junho

A receita tributária do Estado alcançou em junho de 2004 o total de R$ 3,156 bilhões, um crescimento real de 3,8% sobre o mês de maio; de 12,7%, na comparação com junho de 2003; e de 5,8% no acumulado do ano, informa uma nota técnica da Secretaria da Fazenda paulista.Na comparação do acumulado de 12 meses encerrados em junho, houve uma queda de 2,3%. O principal responsável por essa queda na última comparação ainda apresentar sinal negativo é o ICMS, cuja arrecadação foi influenciada pelas anistias de 2002 e 2003, bem como, pelo comportamento do câmbio nesse período.A nota técnica da Secretaria da Fazenda diz que a receita com o ICMS atingiu R$ 2,877 bilhões no período indicando crescimento real de 3,2% em relação ao mês anterior; 11,7% relativamente a junho de 2003; e 4,9% no acumulado do ano, comparativamente a igual período do ano passado. No acumulado dos últimos doze meses, o total de recolhimentos do imposto ainda mostrou declínio de 3,8% comparado a igual período anterior.A receita do Imposto Sobre Produtos Automotivos (IPVA) atingiu R$ 74,7 milhões, apresentando crescimento real de 10,5% sobre o mês anterior, pois em junho ocorreu o vencimento da segunda parcela do imposto incidente sobre caminhões.Também foi verificado aumento de 10,1% da arrecadação deste tributo, relativamente a junho de 2003; 7,8% no acumulado do semestre; e 5,1% no acumulado dos últimos doze meses. O bom desempenho da receita do imposto deve-se tanto à elevação dos preços dos veículos novos como o crescimento da vendas do período.

Agencia Estado,

02 de julho de 2004 | 11h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.