As carreiras mais concorridas no vestibular

As carreiras e instituições de ensino superior mais tradicionais são as mais procuradas e concorridas no vestibular 2002. Esta afirmação é compartilhada por especialistas em vestibular dos principais cursinhos preparatórios para o vestibular de São Paulo. Entre as carreiras mais procuradas estão aquelas bem conhecidas: direito, administração, medicina e engenharia. Segundo o coordenador de vestibulares do Anglo Vestibulares, Alberto Francisco do Nascimento, as tradicionais estão sempre entre as mais procuradas pelos vestibulandos, encabeçando as listas na relação candidato/vaga.O professor e coordenador de informação para vestibulares do Etapa Vestibulares, Carlos Eduardo Bindi, destaca que as carreiras tradicionais chegam a ter mais de 10 mil candidatos concorrendo para poucas vagas nas universidades públicas e federais. "Medicina, direito e engenharia estão em primeiro lugar nas listas de candidatos para o vestibular 2002. Na Universidade de São Paulo (USP), por exemplo, o número de candidatos deve ultrapassar os 10 mil para cada curso", alerta Carlos Eduardo.O coordenador pedagógico do Objetivo, Antônio Mário Salles, ressalta que os cursos de graduação nas áreas de comunicação, comércio exterior, ciências biológicas, turismo e informática também estão sendo bem concorridos nas faculdades brasileiras. "Na área de ciências biológicas, a procura aumentou devido as novas descobertas da ciência, como a clonagem e o genoma", explica Salles.Instituições mais procuradasA tradição e a colocação de profissionais no mercado de trabalho são fatores essenciais na hora de escolher uma faculdade ou universidade, seja ela pública ou particular. As universidades estaduais e públicas são realmente as mais concorridas. "As universidades públicas são as mais concorridas pela gratuidade e pelo currículo de seus professores e cursos", destaca o professor e coordenador de informação para vestibulares do Etapa Vestibulares. A qualidade do curso, a infra-estrutura oferecida pela escola, o currículo e qualificação de seus professores e a grade curricular também são importantes na hora de escolher uma faculdade ou universidade. De acordo com o coordenador de vestibulares do Anglo Vestibulares, outro fator que influencia a escolha é a proximidade da residência. "Existem boas faculdades no interior de São Paulo e em outros Estados, porém, o vestibulando acaba optando por uma instituição que fique perto de sua casa ou do seu trabalho", explica Alberto Francisco do Nascimento. Os especialistas citam ente as faculdades mais procuradas e concorridas a USP, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), a Universidade Estadual Paulista (Unesp) a Faculdade de Tecnologia de São Paulo (Fatec), a Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP), a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), o Mackenzie, a Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), a Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas) e todas as universidades públicas do país. Veja mais informações nos links abaixo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.